.posts recentes

. O “GLORIOSO” CENTENO

. A MÃO DE DEUS

. A “EPITETIZAÇÃO” DA COISA

. “O CANHÃO DE S.BENTO”

. PORTAS… COMUNICANTES

. OS SEGREDOS DA TIA CÁTIA

. NASCIDOS PARA MANDAR

. ANASTÁCIOS E BARATAS

. ELES VOAR, VOAM… MAS MUIT...

. VAMOS PÔ-LOS NO LUGAR

.arquivos

. Janeiro 2018

. Junho 2017

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Novembro 2015

. Abril 2015

. Julho 2014

. Fevereiro 2014

. Julho 2013

. Maio 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

.links
blogs SAPO
.subscrever feeds
Segunda-feira, 31 de Março de 2008
A ULTRAPASSAGEM

“A crise orçamental está ultrapassada”, disse José Sócrates no passado dia 25 do corrente mês! Então e agora?

Será que finalmente o Governo se vai aperceber que para além das ridículas décimas e das manipuláveis percentagens existe um País que tem cidadãos e que esses cidadãos acumularam problemas, gravíssimos, em consequência das manobras arriscadas que o Governo tomou para efectuar a ultrapassagem da “sua” crise orçamental? Ou vamos continuar a “circular” perigosamente em virtude da crise mundial se preparar para entrar agora em “contramão” na consolidação das “miudecentes” contas nacionais?

Caro Engenheiro Sócrates:

- O Senhor ganhou um “automóvel”, com uma certa idade, que bem ou mal lá ia fazendo a habitual volta dos tristes. Mas, achou por bem, durante três anos, dar-lhe uma “borradela” na pintura e um pouco de “graxa” nos pneus carecas convencendo-se, com isso, que podia ir um pouco mais além! Será que, finalmente, os Portugueses vão ficar a saber qual é esse mais além uma vez que estão fartos da viagem que tem sido de circum-navegação à volta do ralo de uma sarjeta que continua a sugar, inexoravelmente, muitos milhares deles?

Aparentemente ultrapassou (?) a crise orçamental, mas ultrapassou-a pela direita quando o código da sua política o obrigava a ultrapassar pela “esquerda”. Por tal motivo, não estranhe que nas próximas Legislativas o Zé-Povinho lhe venha a aplicar uma contra-ordenação gravíssima (apesar do antecipado “suborno” na redução do IVA) com a consequente cassação da... maioria absoluta (sic)!

publicado por A. Carvalho às 07:34
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 24 de Março de 2008
UMA QUESTÃO DE... ENQUADRAMENTO

A reacção de uma jovem estudante da Escola Secundária Carolina Michaelis, que tanta indignação suscitou na sociedade, é a mesma que tantas vezes a sociedade suscita nesses mesmos jovens!

Porque carga de água é que a professora, ao invés de mandar de imediato a tal moçoila para o real olho da rua, optou por armar toda aquela cinematográfica “peixeirada” nauseabunda? Ao menos podia ter tirado a “gabardina”, sempre ganhava uma certa liberdade de movimentos, mas, quando já se perdeu há muito o que havia a perder (a postura)... também não era isso que ia salvar a honra do “convento”!

Pobre Educadores estes que depois do exemplo “belíssimo” da manifestação brejeira e histérica que há dias proporcionaram à Nação se julgam no direito de dar lições aos seus Educandos sobre situações menos próprias… que eles próprios, consciente ou inconscientemente (já não se sabe bem) provocaram!

Em resumo: uma vez que esta “fita”, mais uma, teve um diálogo vergonhoso e uma movimentação cénica atabalhoada, é aconselhável que para a próxima, caros alunos e professores, tentem fazer qualquer coisa mais ao estilo do Manoel de Oliveira: um bom enquadramento fixo do vídeo do telemóvel e nada de palavreados estéreis (sic)!

- Quem é o Manoel de Oliveira? Sinceramente meus amigos! Vocês são ignorantes ou quê?

publicado por A. Carvalho às 13:10
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 17 de Março de 2008
MORUBIXABAS

Falar-se em lavagem de dinheiros tendo por base quotas mensais de 1 euro, é não ter a noção do custo de uma lavandaria, mesmo que integrada num qualquer sistema de "franchising" (sic)!

Por outro lado, trazerem para o "tanque público" a lavagem da roupa suja que superfluamente produzem é uma má opção de todos aqueles que sonham, tão só porque o sonho comanda a vida, a virem num qualquer futuro próximo a lavar ainda mais branco que o mítico branco do "Omo". Mas pronto!

Mergulhados numa espécie de "Al Caponização" de facções, onde cada “morubixaba” defende com unhas e dentes o seu reduto "baronático", o único Partido credível para alternar ao actual poder instalado parece apostado em desbaratar por um mero deslumbramento efémero e inexplicável, as poucas credencias de apresentação que ainda possui, proporcionando, sem grandes chatices a outros, corarem com o simplicíssimo “Sabão de Marselha" a roupinha de um País que no estendal vai ondulando ao sabor das "trovas do Alegre vento que passa" e outras manifestações.

Definitivamente metam-se todos numa boa saponária e aproveitem-na para um breve período de reflexão: é que a nação, sem um aguerrido confronto de consistentes "produtos de limpeza", corre o risco de se encardir inexoravelmente... tão só por simples acomodação!

publicado por A. Carvalho às 07:21
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 10 de Março de 2008
O PROFESSORADO

Entre a postura inflexível da Ministra da Educação, face à mudança que os novos conceitos laborais (velhos no resto da Europa) exigem para o sector e a atitude congénita, de autismo, que uma classe profissional tenta fazer perdurar, quase apetece dizer que os professores precisam efectivamente da Avaliação… e de muito mais!

Prova disso aconteceu durante a gigantesca Marcha Comemorativa do Dia da Mulher, no passado dia 8, Sábado, em Lisboa, onde milhares de professoras presentes não conseguiram explicar (á comunicação social) o porquê do seu descontentamento com o malfadado sistema avaliativo. Todas afinal querem ser avaliadas (!)… “só que não é o momento oportuno”… “a medida não está suficiente explicada”… “não há diálogo”… “devia ser aplicada mais devagarinho”… ou só, pasme-se, “quando a Maria de Lurdes for para a rua”!

A Marcha da Mulher, inadvertidamente, confirmou o que se suspeitava: o ensino em Portugal está muito pior do que aquilo que se poderia imaginar.

Ironias à parte: se tivessem tanta capacidade para ensinar como tem para se empenhar em manifestações, por certo não teriam receio das avaliações que, sendo um processo que embora necessite aqui e ali de pontuais correcções, não justifica nem de perto nem de longe o incómodo ecológico, auditivo e rodoviário que criaram à Nação.

- Mas pronto… foi um Dia da Mulher diferente, porreiro mesmo, pá!

publicado por A. Carvalho às 07:23
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 3 de Março de 2008
ESPAÇO PUBLICITÁRIO

Face à indecisão que muitos milhares de Portugueses vão ter no momento de votar nas Legislativas do próximo ano, Luís Filipe Meneses antecipou-se e jogou uma cartada de peso a favor da "sua" tribo política.

Entre a indiferença pelos mesquinhos números do desemprego, as insignificativas taxas de endividamento das famílias, os marginais gráficos do insucesso escolar a violência ou o aumento do preço das carcaças, algo de muito mais sério e grave preocupa a "inteligentsia" do Partido Social Democrata: a publicidade da RTP!

Até que enfim que se assombra no até aqui desacreditado horizonte político nacional um candidato a "Governante" com efectivas vontades reformadoras, palpáveis e que vão de encontro ao tão aspirado bem-estar de toda uma nação!

Sinceramente Dr. Filipe Meneses!

Nesta altura do “campeonato” não tem mais nada para apresentar à Nação senão essa ideia descontextualizada e irrisória dos “reclamos” da televisão?

Tão descontextualizada e irrisória como alguém afirmar que quando for Governo proibirá a venda de Senhoras de Fátima nos Bazares Chineses de todo o País, por exemplo (sic)!

É tempo de V.Exª. artilhar o camelo: a travessia do deserto, a julgar pelo eco negativo do “blá-blá” que vai chegando, será longa e segue dentro de breves momentos, quiçá… após um curtíssimo espaço publicitário.

publicado por A. Carvalho às 07:24
link do post | comentar | favorito
.as minhas fotos